Prefeitura de Indaiatuba apresenta o balanço da fiscalização realizada no feriadão

Duas festas clandestinas com grande número de pessoas foram interrompidas no final de semana

A Prefeitura de Indaiatuba informa que intensificou a fiscalização contra as aglomerações de pessoas durante o feriado prolongado de Corpus Christi, para conter as contaminações pelo coronavírus, que causa a covid-19, doença que está em alta no município. Duas festas clandestinas com grande número de pessoas foram interrompidas.

Uma das festas ocorreu na noite de sábado (5/6), no Distrito Industrial, com mais de 400 jovens. A outra festa aconteceu no Recreio Campestre Internacional de Viracopos, onde estavam reunidas aproximadamente 100 pessoas.

“A Vigilância Sanitária tomou a ação cabível que foi a autuação dos locais e, posteriormente, depois de correr o prazo da defesa dos organizadores, vai verificar a possibilidade de multa, de acordo com a decisão prescrita na lei”, informa a Prefeitura, em nota.

Entre os dias 2 e 5 de junho, os departamentos de Fiscalização de Taxas e Posturas e de Vigilância em Saúde de Indaiatuba e a Secretaria Municipal de Serviços Urbanos e Meio Ambiente realizaram notificações em 54 estabelecimentos. A Secretaria de Serviços Urbanos contabilizou 45 orientações verbais sobre as normas da fase de transição do Plano São Paulo, em vigor no município, para conter o avanço da covid-19. Já a Guarda Civil Municipal registrou 34 ocorrências de perturbação de sossego.

Também foi feita fiscalização contra aglomerações de pessoas em praças e pontos de estacionamento no Parque Ecológico.