Hospital em dia de jogo do Brasil na Copa

Mesmo com dor, em dia de jogo do Brasil na Copa, muitos torcedores preferem "sofrer" em frente à TV do que ir ao médico. 

Para se ter uma ideia disso, na sexta-feira passada – quando a Seleção Brasileira enfrentou a Colômbia – 302 pessoas passaram por atendimento no pronto-socorro do Hospital Augusto de Oliveira Camargo (Haoc), pelo Sistema Único de Saúde (SUS). No dia 6 do mês passado, também uma sexta-feira, mas antes do início do Mundial, foram atendidas 399 pessoas na unidade, quase cem pessoas a mais. 

No dia do primeiro jogo do Brasil na Copa, dia 12 de junho, 338 pessoas passaram pelo  pronto-socorro. 

Depois do jogo...

Já no dia seguinte à partida de estreia, dia 13 de junho, a demanda no pronto-socorro aumentou para 447 pacientes, 109 a mais. 

Os balanços, obtidos por essa jornalista por meio da assessoria de imprensa do Haoc,  se referem aos atendimentos nos setores Adulto, Infantil e Ortopedia do pronto-socorro.