Nelson Ayres e Ricardo Herz encerram 1º Festival Instrumental

Audição pública e concerto de encerramento acontecem no dia 19

A final da primeira edição do Festival de Música Instrumental, promovido pela Secretaria de Cultura, está marcada para o dia 19. A audição pública dos selecionados tem entrada gratuita e será realizada a partir das 17h no Centro Cultural Hermenegildo Pinto (Piano), com concerto do pianista Nelson Ayres e violinista Ricardo Herz, a partir das 20h.

Os músicos, de destaque na cena instrumental brasileira, sobem ao palco para apresentar o espetáculo “Duo”, primeiro trabalho da dupla que apresenta novas maneiras de pensar e tocar piano e violino. A entrada é gratuita mediante retirada de ingressos a partir do dia 11 de novembro em horário comercial no Centro Cultural Hermenegildo Pinto, mesmo local onde acontece o espetáculo.

 

SELECIONADOS

A Comissão avaliadora, formada pelos músicos Felipe Oliveira, Paulo Braga e Daniel Ribeiro Campos (Pezim), já definiu a primeira seleção dos inscritos, que se apresentarão em etapa eliminatória, que acontecerá dia 18 de novembro no Centro Cultural Hermenegildo Pinto às 17h.

Confira:

Categoria Solo

André Soares de Carvalho; Bruno Defávari Belluco; Geilson dos Santos Brito; Giovanni Pucci Ferreira; Gleysser De Menezes Dores; Guilherme de Oliveira Sander; Jônatas de Santana; Mariluzia Veiga de Oliveira; Otavio Antoniacci Neto.

Categoria Duo

Bianca Ribeiro Piro e Guilherme Kentaro Takahashi; Erick Delmora Pedra e Gustavo Henrique Portes de Almeida; Gleysser De Menezes Dores e Lucas Piovezan Silva; Guilherme Calebe Soares Martins e Bruno Defavari Belluco; Guilherme de Oliveira Sander e Tayná de Oliveira e Silva; Otavio Antoniacci Neto e Rodolpho Ribeiro Simmel.

Categoria Trio

Antônio Venâncio de Andrade Junior, Jessica Benedecte e Matheus Vaz Soares

• Na categoria ‘quarteto’ nenhum grupo foi selecionado.

Entre os critérios para a seleção, os jurados consideram quesitos como interpretação, que engloba expressão musical, afinação e presença de palco; e composição executada, que inclui contexto da obra, nível de dificuldade técnica e qualidade da execução. Para a final, que acontece dia 19 de novembro, serão selecionados os três melhores colocados de cada categoria.

Direcionado a jovens músicos com até 28 anos residentes em Indaiatuba ou que tenham atuação musical comprovada na cidade, o Primeiro Festival de Música Instrumental de Indaiatuba tem o objetivo de motivar novas gerações de músicos e estimular a produção musical na cidade em suas mais variadas vertentes. O período de inscrições aconteceu de 1º a 25 de outubro.
Os artistas vencedores em cada categoria receberão prêmios em dinheiro, sendo R$ 5 mil para a melhor formação de quarteto, R$ 3.900 para a formação de trio, R$2.650 para a formação duo e R$ 1.450 para execução solo.

 

CORPO DE JURADOS

Felipe Oliveira

O violinista Felipe Oliveira é Spalla na Orquestra de Câmara da ECA (Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Pualo – USP). Seu cargo é de primeiro-violinista da orquestra, o patamar mais elevado depois do maestro. Iniciou sua carreira musical no Projeto Guri e aos 17 anos já tocava profissionalmente em eventos e na Orquestra Sinfônica de Indaiatuba. Depois Felipe frequentou o Conservatório de Tatuí, fez aulas particulares com o violinista Fabio Chamma, em São Paulo, e cursou Música na Faculdade Cantareira, na classe de violino da professora Betina Stegmann.

Paulo Braga

Paulo Braga é pianista, criador do Departamento de Música Popular do Conservatório da cidade de Tatuí (SP), professor do departamento de música da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas), professor e, atualmente, coordenador pedagógico da EMESP (Escola de Música do Estado de São Paulo – Tom Jobim). Solista da Orquestra Jazz Sinfônica do Estado de São Paulo e da Royal Philarmonic Concert Orchestra de Londres apresentou-se com grandes nomes da música como Moacir Santos, Milton Nascimento, Mônica Salmaso,Toninho Ferragutti, entre outros.

Daniel Ribeiro (Pezim)

Daniel Ribeiro Campos, conhecido como "Pezim", é natural de Uberaba (MG), atualmente residente em São Paulo. É contrabaixista (acústico e elétrico) formado pela Escola Superior de Música da Faculdade Cantareira, na qual desenvolveu seus estudos com o grande contrabaixista Alberto Luccas. Participou de grandes concertos dentro e fora do Brasil. Atualmente ministra aulas de Prática de Conjunto, Improvisação, História da Música Popular Brasileira, Harmonia e Contrabaixo na no Centro Universitário Unisant’Anna em São Paulo e é o professor de contrabaixo da Faculdade Integral Cantareira.

 

SERVIÇO

1º FESTIVAL DE MÚSICA INSTRUMENTAL DE INDAIATUBA

Etapa eliminatória

Data: 18 de novembro

Horário: 17h

Entrada gratuita

 

Audição pública

Data: 19 de novembro

Horário: Das 17h às 18h30

Entrada gratuita

 

Show de encerramento com Nelson Ayres e Ricardo Herz

Data: 19 de novembro

Horário: 20h

Entrada gratuita mediante retirada de ingressos a partir do dia 11 de novembro em horário comercial. Máximo dois convites por pessoa.

Local: Centro Cultural Hermenegildo Pinto (Piano) - Av. Engenheiro Fábio Roberto Barnabé, 5.924.