Pesquisa indica Túlio como pré-candidato a vice-prefeito, diz PMDB

O vereador compõe a chapa de Nilson Alcides Gaspar

O PMDB de Indaiatuba, em entrevista coletiva na manhã desta quarta-feira (13/7), informou que o nome do vereador Túlio José Tomass do Couto como pré-candidato a vice-prefeito foi definido a partir de pesquisas. Outros nomes, como dos vereadores Luiz Carlos Chiaparine e Luiz Alberto Pereira, o Cebolinha, todos do mesmo partido, também tinham sido cogitados. Em entrevista ao Blog da Pimenta, Túlio, inclusive, chegou a informar que Chiaparine era “consenso” na bancada do governo, na Câmara Municipal. 

“Foi uma surpresa para mim ter sido convidado. Poderia ser o Cebolinha, o Chiaparine. A escolha foi técnica. Não fiz nenhuma exigência. Confio nesse grupo político”, disse Túlio. Ele está no terceiro mandato como vereador, é líder do governo na Câmara, é também médico ginecologista e mora, em Indaiatuba, há 25 anos. 

O pré-candidato a prefeito pelo PMDB, Nilson Alcides Gaspar, disse que “queria um médico” na sua chapa. “A saúde está em discussão no Brasil, de um modo geral. A definição sobre o vice foi olhando para o futuro da cidade”, comentou Gaspar.

“Vamos fazer uma campanha com propostas efetivas. A eleição é sempre dura, difícil, mas acho que a população vai acabar com o chamado ‘voto de protesto’, vai procurar quem tem argumentos”, opinou Cebolinha, que é presidente da Câmara.

Os peemedebistas informaram que “o impacto da prisão do prefeito Reinaldo Nogueira (PMDB) nos trabalhos do grupo político ainda está sendo avaliado e que ele não participou da decisão sobre o pré-candidato a vice-prefeito. 

Os partidos que serão coligados, segundo o presidente do PMDB, Carlos Bargas, que é também secretário municipal de Governo, serão definidos na convenção partidária marcada para o dia 31 deste mês.

(Na foto, o presidente do PMDB e secretário municipal de Governo, Carlos Bargas; o pré-candidato a vice-prefeito e vereador, Túlio José Tomass do Couto; o pré-candidato a prefeito, Nilson Alcides Gaspar, e o presidente da Câmara, Luiz Alberto Pereira, o Cebolinha, pré-candidato a vereador – Crédito: Patrícia Lisboa/Leitor Online)
 

(13/7)