Revitalização da Avenida Ário Barnabé, no Morada do Sol, está pronta

Faixas para veículos foram alargadas e recapeadas; para os pedestres foram construídas travessias elevadas

A revitalização da Avenida Ário Barnabé, no Jardim Morada do Sol, em Indaiatuba, está pronta. A via, a mais antiga do bairro, está mais funcional e acessível. A reforma possibilitou maior fluidez ao trânsito no local.

A readequação da Avenida Ário Barnabé foi a primeira a ser entregue das três avenidas em obras na cidade.

A nova avenida que foi aberta ao lado da Fundituba deve ser finalizada em julho, enquanto a Alameda Coronel Antônio Estanislau do Amaral, em Itaici, deve ter mais três meses de obras. Juntas, as avenidas recebem mais de R$ 17 milhões de investimentos.

O prefeito Nilson Gaspar (MDB) comemorou a conclusão da obra na Ário Barnabé ressaltando que o projeto atendeu os objetivos e foi aprovado pelos comerciantes locais.

“Nossa proposta com a revitalização da avenida foi melhorar a mobilidade urbana e modernizar o bairro, com foco na valorização do comércio local. As mudanças garantiram mais segurança no trânsito, conseguimos ampliar e ordenar as vagas de estacionamento e também oferecer muito mais comodidade e acessibilidade aos pedestres. As melhorias na iluminação e o paisagismo completaram a proposta e deram uma nova estética à avenida. O Jardim Morada do Sol merecia essas melhorias”, reforçou.

MUDANÇAS NA ÁRIO BARNABÉ

Com um moderno projeto de mobilidade urbana, a revitalização da Avenida Ário Barnabé deu maior fluidez ao trânsito e hoje atende, de forma adequada, as necessidades de condutores de veículos, pedestres e ciclistas.

Os pontos fortes da obra foram o alargamento e o recapeamentos das faixas para veículos em toda a extensão da via, que mede aproximadamente de 2,1 quilômetros, e a criação de bolsões de estacionamento no canteiro central. O estacionamento ordenado com 180 vagas, incluindo motos, além de melhorar a circulação dos veículos, se intercalam com áreas de passeio o que torna mais segura a circulação de pedestres.

A ciclovia saiu do canteiro central e foi substituída por ciclofaixas que atendem as laterais da via, entre as calçadas e o leito carroçável. As calçadas, aliás, é um outro ponto forte da revitalização. Todo o calçamento no acesso aos imóveis foi refeito e padronizado com piso de cimento intertravado e com a instalação de pisos táticos, seguindo as normas de acessibilidade.

Para os pedestres foram construídas travessias elevadas dispostas na altura dos recuos criados para abrigar as 10 paradas de ônibus que atendem a avenida. As paradas ainda receberão coberturas do modelo novo, com banco e espaço exclusivo para cadeirante. Essas novidades foram pensadas para garantir mais segurança no embarque e desembarque de passageiros, sem comprometer a fluidez do trânsito nesses pontos.

Toda a rede de distribuição de energia que atende a Ário Barnabé foi remodelada, eliminou um problema de poluição visual que existia há décadas e, o mais importante, tornou a iluminação mais eficiente e a avenida muito mais segura. Foram substituídos 74 pontes de iluminação que receberam 148 lâmpadas LED de 190w de potência.

Para quem não é do bairro, agora também ficou mais fácil se localizar na avenida. A obra incluiu a instalação de 48 placas de identificação de ruas do modelo novo nos cruzamentos, e todos os equipamentos semafóricos foram padronizados.

Complementando o projeto de revitalização, a Secretaria de Serviços Urbanos e Meio Ambiente implantou um sistema diferenciado de coleta de lixo na Ário Barnabé. Desde dezembro de 2019 a coleta é realizada com a utilização de containers subterrâneos para resíduos orgânicos e recicláveis. O modelo é tendência nas regiões comerciais para evitar o acúmulo de lixo nas fachadas das lojas e também para que o caminhão da coleta não interfira no fluxo do trânsito.

ITAICI

Em Itaici, a obra de requalificação da Alameda Coronel Antônio Estanislau do Amaral também avança. A via de pouco mais de dois quilômetros já está com pavimento novo em praticamente 80% da extensão. A duplicação garantirá quatro faixas de rolamento na via, melhorando a fluidez do trânsito e também oferecerá mais segurança e acessibilidade aos usuários. O prazo contratual é novembro, mas a construtora acredita que será possível concluir os trabalhos até o final de agosto.

Diferentemente da Avenida Ário Barnabé, a Alameda Estanislau do Amaral é praticamente a única via de acesso à região de Itaici e há alguns anos já não comporta bem o volume de veículos que recebe.

Com a revitalização da alameda o prefeito Nilson Gaspar atende a um pedido antigo de moradores da região.

“Essa região cresceu muito nos últimos anos e já não tinha como postergarmos essa obra. Sabemos dos transtornos que uma intervenção dessas causa aos moradores, fizemos tudo que era possível para amenizar os impactos negativos e hoje já podemos dizer que estamos na reta final. A parte pior já passou e logo poderemos usufruir os benefício que a obra trouxe”, complementou.

No total, o projeto de duplicação envolverá 27 mil m² de asfalto novo e de recapeamento, 4 mil metros lineares de calçadas e mais um quilômetro de novas galerias de águas pluviais. A obra também exigiu a construção de uma nova ponte de concreto sobre o rio Jundiaí, ao lado da ponte já existente, que abrigará duas faixas de rolamento no sentido centro-bairro, com um leito carroçável de 55 metros de extensão.

Um novo sistema semafórico já foi instalado nas proximidades da rua Suíça e o semáforo na confluência com a Avenida Ezequiel Mantoanelli será remodelado com as novas faixas de conversão.

O projeto da Secretaria de Obras e Vias Públicas também garante mais segurança aos pedestres, com a instalação de travessias elevadas em quatro pontos da alameda, e calçadas que seguem todas as normas de acessibilidade.

Nesta semana, a alameda está recebendo os novos postos de energia e iluminação que foram realocados com a duplicação e formação do canteiro central. São 68 pontos de iluminação que receberão lâmpadas LED, com uma nova organização da rede primária de energia, eliminando a poluição visual acarretada pelo excesso de fiação.

Os pontos de ônibus já começaram a receber as coberturas do novo modelo, mais acessíveis e com espaço reservado para cadeirantes.

AVENIDA FUNDITUBA

A nova avenida aberta entre as empresas Fundituba e Assaí Atacadista será concluída em julho. A abertura e pavimentação da nova via que interligará a avenida Francisco de Paula Leite, na altura do Jardim Kioto, à rua Soldado João Carlos de Oliveira Júnior, na altura do Jardim São Francisco é executada em parceria com empreendedor local.

A obra inclui a extensão da rua Reverendo Ataíde Costa, no Parque das Nações, até a avenida Toshiko Takahara, na Cecap III, e instalação de semáforo na interligação da nova avenida com a Soldado João.

Pelo projeto da Secretaria de Obras, a nova avenida e o prolongamento da rua Reverendo Ataíde somam cerca de 1,3 km de extensão. A obra ainda incluiu serviços de drenagem com a instalação de galerias pluviais, iluminação com tecnologia LED, além de toda a sinalização viária.

Tanto a nova avenida como a extensão da rua Reverendo Ataíde Costa facilitarão bastante a interligação entre bairros e, principalmente o acesso da avenida Paula Leite até a avenida Engenheiro Fábio Roberto Barnabé, no Parque Ecológico.

Os trabalhos foram iniciados no final de 2019 pelo trecho que cabia ao empreendedor parceiro da obra. Nesta semana a Prefeitura trabalha no trecho final da avenida que faz a interligação com a rua Soldado João. Com a interligação, faltará apenas concluir 400 metros de capa final do asfalto e cerca de 200 metros de calçada.