Sobe para 95 o total óbitos confirmados por covid-19 em Indaiatuba

A taxa de ocupação dos leitos de UTI para a covid-19 é de 100% no Hospital Santa Ignês e de 83% no Haoc

Com mais três casos confirmados, nesta quarta-feira (15/7), sobe para 95 o total de mortes por covid-19, em Indaiatuba, segundo a Secretaria Municipal de Saúde. 

O Departamento de Vigilância Epidemiológica também confirma mais 90 casos positivos na cidade e total é de 2.800 pessoas infectadas.

Os três últimos óbitos confirmados ocorreram no Hospital Augusto de Oliveira Camargo (Haoc), ontem (14/7). As vítimas são as seguintes:

- homem, de 79 anos, internado desde o dia 10 de julho. Ele também tinha hipertensão;

- mulher, de 82 anos, internada desde o dia 26 de junho. Ela possuía hipertensão e diabetes;

- homem, de 80 anos, internado desde o dia 25 de junho. O paciente também tinha hipertensão, diabetes e pneumopatia.

SITUAÇÃO EPIDEMIOLÓGICA

Indaiatuba soma 2.800 casos confirmados de covid-19. Do total de infectados pela doença, 95 morreram, 2.661 são considerados curados ou estão em recuperação domiciliar e 44 estão internados. Ainda há outros 518 casos suspeitos aguardando resultado de exame para confirmação ou não da doença.

HOSPITAIS

Atualmente há 48 pessoas internadas com sintomas de síndrome respiratória em leitos de enfermaria e 32 em Unidade de Terapia Intensiva (UTI), totalizando 80 internações. Entre estes pacientes, 44 têm resultado positivo para a covid-19.

A taxa de ocupação dos leitos de UTI para a covid-19 é de 100% no Hospital Santa Ignês (da rede privada) e de 83% no Haoc, que atende pelo SUS.

A ocupação dos leitos de enfermaria para a covid-19 é de 81% no Haoc e de 64% no Hospital Santa Ignês.

Os dados são da Secretaria Municipal de Saúde.

(Fonte: Secretaria de Saúde de Indaiatuba)